Juazeiro/BA, 23 de setembro de 2020


Covid-19

SESAU recepciona residentes multiprofissionais da UNIVASF com encontro sobre vigilância em saúde em Juazeiro

ASCOM em 11/mar/2020

Débora Sousa/SESAU

Nesta quarta-feira (11), equipe da Secretaria da Saúde recepcionou os profissionais que irão fazer residência nos serviços da rede municipal. O momento teve como principal objetivo apresentar aos profissionais o funcionamento e a importância da vigilância para coleta de dados e auxílio na promoção à saúde.

A Superintendente de Vigilância em Saúde, Tatiane Malta, apresentou aos profissionais a rede de saúde municipal, os setores ligados à Pasta e a área de atuação dos técnicos dentro do serviço. Na oportunidade, a superintendente destacou: Vigilâncias Epidemiológica e Sanitária, Centro de Informações em IST/HIV/AIDS (CIDHA), Laboratório Central (LACEN), Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (CEREST), o setor de combate às endemias e SINAN – Sistema de agravos; SIM – Sistema de Mortalidade e SINASC – Sistema de Nascidos Vivos, o Núcleo de Educação e Promoção à Saúde (NEPS) e a Rede de Frios.

Tâmara Aguines é psicóloga e vai atuar no Centro de Atenção Psicossocial Infantil (CAPS I). A profissional relata sobre a importância do momento. “Venho de um curso de psicologia onde nós não temos muito estas discussões sobre saúde, de modo geral deixando muito a desejar, principalmente, na parte de informações voltadas ao SUS. Durante minha formação, não tive conhecimento do trabalho da vigilância sanitária, por exemplo. Este momento está sendo riquíssimo, onde podemos conhecer o trabalho desenvolvido por este setor em Juazeiro, qual a importância dele e onde entra nossa contribuição na coleta de dados e proteção à saúde” descreveu.

Naysle Caroline é fisioterapeuta e a residência dela será sobre Intensivismo – que forma profissionais especialistas para o atendimento a pacientes graves. Ela atuará no Hospital Universitário em Petrolina. A profissional relata o que mais chamou a sua atenção durante a abordagem realizada pela Superintendente de Vigilância em Saúde de Juazeiro “Acredito que as questões para notificações foram as mais importantes abordadas por Tatiane Malta. Vamos atuar na UTI do HU e achávamos que não havia necessidade de notificação, mas hoje nós aprendemos que temos o dever e a obrigação de fazer notificação em casos, por exemplo, como ela trouxe da UTI, de doenças infectocontagiosas. Eu conhecia as notificações compulsórias, mas não sabia a descrição dos tipos de doenças. Isso não vemos descrito durante a graduação”, explicou.

Para a Superintendente da Vigilância em Saúde, Tatiane Malta, é importante esse contato para abordar o papel do setor no município. “Recepcionamos com muita alegria estes profissionais. Eles estarão atuando em nossa rede de saúde pública e precisamos reforçar as informações sobre o papel da vigilância em nosso município. A partir deste encontro, tenho a certeza que eles vão estar nas unidades de saúde mais atentos na abordagem. Suspeitou? Notifica. Quanto mais rápido identificado alguma doença, mais eficazes serão as tomadas de decisões. Foi isso que passamos em resumo para eles”, concluiu.

Logo-Juazeiro-BA

Copyrigth © 2020 Prefeitura Municipal de Juazeiro