Juazeiro/BA, 25 de setembro de 2020


Covid-19

SESAU orienta sobre serviços e cuidados adotados para prevenção ao COVID 19 e H1N1 em Juazeiro

ASCOM em 31/mar/2020

Débora Sousa/SESAU

Desde fevereiro as equipes de saúde de Juazeiro estão trabalhando no combate à propagação do coronavírus e do H1N1. Para orientar as pessoas sobre as medidas corretas para prevenção, profissionais da rede de atenção básica e especializada passaram por capacitações, as unidades de urgência e emergência foram reforçadas e a equipe de vigilância epidemiológica está à frente das notificações e coletas no município.

Para Washington Luiz, médico infectologista da rede municipal, mesmo com uma rede de saúde sobrecarregada, a região está conseguindo preparar leitos para casos graves de coronavírus.  “O isolamento social nos trouxe vários benefícios e a doença não ‘ganhou corpo’ em nossa região. Além disso, estamos conseguindo esvaziar os leitos e ampliando – algo inédito nos últimos anos. Toda a rede de saúde está com tempo hábil para capacitar os profissionais na linha de frente do combate à COVID-19”, pontuou.

De acordo com a Superintendente de Vigilância em Saúde, Tatiane Malta, não há motivo para pânico, mas é necessário consciência e precauções. “Toda a rede de saúde municipal está preparada para atender as necessidades de pacientes com suspeita de COVID 19 e/ou H1N1. As medidas preventivas com isolamento domiciliar são para vitar a circulação das pessoas e impedir a propagação dos vírus, em especial o do H1N1 que é hoje a nossa maior notificação e confirmação de casos. Para o coronavírus temos dois casos sendo acompanhados e sem nenhum agravo, mas nem por isso podemos orientar a circulação e aglomerações de pessoas na cidade”, explicou.

Tatiane ainda ressalta que “o Brasil está com casos crescentes de confirmações de casos e na Bahia temos óbito ocasionado pelo COVID 19. Juazeiro é uma cidade polo e é preciso a população entender que estamos em meio a uma pandemia com uma doença que não existe medicação própria para sua cura ou controle. A medida eficaz para tal controle é higienização das mãos e o isolamento domiciliar”, descreveu.

Para H1N1, nesta terça-feira (31), as notificações chegaram a 52 casos e, destes, 13 já foram confirmados com dois óbitos, 17 já foram descartados e 22 casos suspeitos continuam em análise. Para o coronavírus já foram notificados 21 casos suspeitos sendo 14 já descartados, cinco permanecem em análise e dois já foram confirmados. Os pacientes estão assintomáticos, ou seja, não apresentam agravo no quadro de saúde, estão sendo acompanhados pela equipe de saúde do município.

Logo-Juazeiro-BA

Copyrigth © 2020 Prefeitura Municipal de Juazeiro