SAÚDE

Semana do Bebê: abertura oficial reúne três secretarias de Juazeiro e vereadores

A Prefeitura de Juazeiro transmitiu ao vivo pelo  YouTube, nesta segunda-feira (10), a abertura oficial da 11ª edição da Semana do Bebê. O evento é uma das estratégias do Fundo das  Nações Unidas para a Infância (Unicef). No município, a Semana do Bebê  virou  Lei Municipal Número 2.377/2013 de 04 de Julho de 2013.

A proposta é assegurar a atenção adequada a crianças de até 6 anos de idade, com o objetivo de ressaltar o direito à sobrevivência e ao desenvolvimento infantil, uma prioridade na agenda dos municípios brasileiros.

A mesa de abertura foi composta pelo secretário de Saúde de Juazeiro, Fernando Costa; pela secretária de Educação, Normeide Almeida; pelo secretário de Desenvolvimento Social, Teobaldo Pedro de Jesus e os vereadores Gildásio Barão e Neguinha da Santa Casa como representantes do Poder Legislativo, como indicado na lei municipal. “Faz parte da política social do município dar maior atenção às pessoas em vulnerabilidade social e entre pessoas, nós temos famílias com bebês que precisam do nosso apoio. A importância dessa semana é voltarmos os cuidados para essas pessoas, dando toda a atenção que é nossa responsabilidade. A gestão Suzana Ramos tem se destacado pelo cuidado com as pessoas”, ressaltou o secretário de Desenvolvimento Social, Teobaldo Pedro de Jesus.

A secretária de Educação falou da importância do aprendizado na escola. “A gente não concebe educação sem pensar nos anos iniciais da vida de uma criança. Nós sabemos que todo aprendizado vem desde a gestação até a idade que a criança chega à escola. Para que o bebê tenha uma formação adequada para sua aprendizagem, ela precisa passar por todas etapas de desenvolvimento. Nós temos que estar alertas porque esse mesmo bebê em breve estará nas nossas creches e escolas”, destacou Normeide Almeida.

O público-alvo da Semana do Bebê são crianças desde o nascimento até 6 anos de idade, gestantes e mulheres até 45 dias depois do parto.

“É importante que a saúde esteja perto, desde  gestação e puerpério até à escola. Na primeira infância é importante o convívio entre as crianças em creches e escolas para o desenvolvimento desses pequenos juazeirenses e esse comportamento mudou com a pandemia. Os impactos podem ser amenizados com ações de forma articulada da Saúde, Educação e Desenvolvimento Social. Temos que dar suporte desde a maternidade até os seis anos”, explicou o secretário de Saúde de Juazeiro, Fernando Costa.

Programação

O tema central da Semana do Bebê é “Os impactos da Pandemia no Desenvolvimento da Primeira Infância”. Até o dia 14 de maio serão executadas atividades, oficinas, e palestras na plataforma do YouTube, exibidas às 16h, que discutirão temáticas pertinentes ao desenvolvimento infantil, a exemplo de: “Cuidar e Educar na primeira infância: um desafio em tempos de pandemia.”

Além da programação online, acontecerão conversas com mães nas salas de espera das Unidades Básicas de Saúde da área urbana, nos Centros de Referência e Assistência Social (CRAS),  nas creches municipais e Casa Abrigo.

No último dia, paralelo às palestras, um ‘drive trhu’ será montado em frente à Secretaria de  Desenvolvimento Social, no centro da cidade, para a arrecadação de fraldas, kits de higiene para bebê, que serão revertidos para famílias em situação de vulnerabilidade social.

Texto: Maria Lima – Ascom/SESAU/PMJ

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Favor desabilitar para acessar a publicidade institucional do site.