Juazeiro/BA, 24 de setembro de 2020


Covid-19

Secretária participa de entrega das fraldas arrecadas durante encontro de advocacia em Juazeiro

ASCOM em 10/jul/2018

Por Fabiana Diniz/SEDES

A secretária de Desenvolvimento Social, Mulher e Diversidade Cida Gama acompanhou o procurador do município Eduardo Fernandes, o procurador-geral do estado Hugo Coelho Régis e o presidente da Facape Antônio Habib em mais uma entrega de fraldas fruto de doações feitas através do 3º Encontro Nordeste de Advocacia Pública e Direito do Estado. Os beneficiados foram a Casa de Acolhimento Rosa Menina, mantida pelo município e o Lar Infantil Pequenos Raios de Luz, mantida por uma Fundação Filantrópica.

O encontro promovido pelas  Procuradorias Gerais dos Estados da Bahia, Pernambuco, Sergipe, Alagoas, Ceará, Rio Grande do Norte, Maranhão, Piauí, Paraíba e da Escola da Advocacia Geral da União, com o apoio Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina (Facape), município de Juazeiro e subseção da OAB-BA, condicionou as inscrições para participação no evento a doação de fraldas descartáveis infantis.

“Já estamos no terceiro ano desta ação que acontece a partir da realização do encontro. Alternamos as doações em instituições de Juazeiro e Petrolina e conseguimos beneficiar duas casas a cada ano. São eventos que costumam ter um valor de inscrição alto, mas condicionamos apenas às doações para que todos possam contribuir com o trabalho feito por estas instituições”, destacou o procurador Hugo Coelho Régis. Este ano foram cerca de 500 inscritos, número revertido em doações.

Para a secretária Cida Gama “ações como esta são louváveis e consequentemente, incentivam outras pessoas a doar. O município tem feito um trabalho indiscutível junto às duas casas de acolhimento que mantém e essas ajudas possibilitam desenvolver um trabalho ainda melhor. Agradecemos e parabenizamos aos idealizadores desta ação”, afirmou.

Juazeiro possui hoje duas Casas de Acolhimento de caráter provisório para crianças e adolescentes afastados do convívio familiar por meio de medida protetiva de abrigo, em função de maus tratos, negligência, abandono ou cujas famílias ou responsáveis encontrem-se temporariamente impossibilitados de cumprirem sua função de cuidado e proteção. As equipes das duas Casas são formadas por multiprofissionais que incluem assistentes sociais, psicólogos, técnicos sociais, educadores sociais, cuidadores, auxiliares de cuidadores e coordenadores.

 

 

Logo-Juazeiro-BA

Copyrigth © 2020 Prefeitura Municipal de Juazeiro