Juazeiro/BA, 30 de setembro de 2020


Covid-19

Secretaria de Saúde leva campanha de hanseníase e verminoses para as escolas em Juazeiro

ASCOM em 10/maio/2018

Débora Sousa/ SESAU

Nesta quarta-feira (09), uma equipe de saúde esteve  na Escola Municipal Luíz Cursino da França Cardoso localizada no bairro Dom Thomaz levando o atendimento através da Campanha Nacional de Hanseníase e Verminoses que começou desde o dia 23 de abril nas escolas municipais de Juazeiro.

A campanha é realizada pela Secretaria de Saúde em parceria com a Secretaria de Educação e Juventude e tem como objetivo reduzir a carga parasitária de geo-helmintos e identificar casos suspeitos de hanseníase nas escolas. Ao todo serão visitadas 85 escolas da zona urbana e rural.

As enfermeiras Raiane Ribeiro e Nayra Noaly fizeram o atendimento individualizado das crianças, orientações sobre os cuidados com a higienização e destacam a importância desse evento. “O objetivo da campanha é buscar nas escolas novos casos, identificarmos e tratarmos, no caso das verminoses, através da administração de medicamentos em crianças e adolescentes de 5 a 14 anos”, explicou Raiane Ribeiro.

Outra atividade também desenvolvida foi a avaliação de manchas para o diagnóstico de hanseníase. As crianças receberam anteriormente uma ‘ficha de autoimagem’ e levaram para que os pais fizessem anotações quanto alguma mancha no corpo dos filhos. Com a devolução dessas foi possível fazer o exame em cada criança e descartar a presença da doença. Até o momento nenhum novo caso foi detectado, se alguma for identificada como hanseníase é feito o encaminhamento para o Centro de Saúde III, no bairro Angary, unidade responsável por iniciar o tratamento no público  menor de 15 anos.

Os pais aprovaram essa ação nas escolas e afirmam ser um elo saúde e educação. “Achamos muito boa a iniciativa da secretaria de saúde em vir até a escola e respondemos a ficha que eles mandaram”, falou Camila Soares. “Até mesmo para nós como mães foi muito bom, pois antes teríamos que deixar de trazer os filhos para a aula para levarmos na unidade de saúde. Eles não precisaram perder aula e foram avaliados pelas enfermeiras”, concluiu Amanda Souza.

Durante a visita ainda foram realizados outros procedimentos como a verificação do cartão de vacinação de adolescentes na faixa etária entre 9 e 14 anos para a administração da vacina contra HPV e demais vacinas obrigatórias.

 

Logo-Juazeiro-BA

Copyrigth © 2020 Prefeitura Municipal de Juazeiro