Juazeiro/BA, 01 de outubro de 2020


Covid-19

Secretaria da Saúde de Juazeiro orienta pacientes com câncer sobre alimentação durante o tratamento

ASCOM em 17/fev/2020

Débora Sousa/SESAU

Os pacientes assistidos pelo Tratamento Fora de Domicílio acompanhados pela Secretaria da Saúde de Juazeiro tiveram  nesta segunda-feira (17), uma recepção diferente na hora do agendamento da viagem. Equipes da Superintendência de Gestão de Pessoas e da Nutrição realizaram uma roda de conversa voltada à alimentação para pacientes com câncer.

Foram abordadas questões sobre como proceder no quesito alimentício durante o tratamento do câncer. As dúvidas mais comuns dos pacientes eram relacionadas a quais tipos de frutas, verduras, carnes e sucos poderiam consumir bem como a utilização de cosméticos.

O bem estar mental também foi abordado pela psicóloga e superintendente de Gestão de Pessoas da SESAU, Lorena Pesqueira. “O emocional também influencia no bom andamento do restante do corpo. O diagnostico já muda a vida da pessoa e muitos enxergam como uma oportunidade para amar mais, perdoar, praticar atividade física, mas muitos se isolam e têm na doença a sentença da morte. Mas o momento é de viver mais, se fortalecer, buscar apoio e incentivo”, descreveu Lorena.

A dona de casa, Joselita Maria de Aguiar Cunha está em tratamento contra o câncer de mama há mais de um ano e agradeceu pelas informações que recebeu. “Chegar aqui hoje e ter essa profissional explicando e tirando nossas dúvidas é muito gratificante. Sempre tive medo do que comer durante o tratamento e fico apreensiva sobre quais tipos de carne posso estar consumindo, qual a periodicidade. Agora é só chegar em casa e preparar os alimentos que gosto”, explicou.

Poucas pessoas procuram informações sobre alimentação para pacientes com esta enfermidade. Os pacientes ou familiares só buscam saber sobre as restrições o que pode comprometer o tratamento, tendo em vista que um organismo imune e fortalecido auxilia no tratamento. O agricultor João de Souza Duarte já teve câncer de próstata e diz que passou por cirurgia e não precisou de quimioterapia, mas mesmo assim ficou interessado pela palestra. “Cheguei cedo e aproveitei para tirar todas as minhas dúvidas. Quando descobri a doença fiquei abalado, mas nunca desanimei e sempre procurei me alimentar bem, e isso me ajudou a viver melhor”, acrescentou.

A nutricionista Lívia Lima ressalta a importância da informação como elemento centralizador nos cuidados com a saúde. “O discurso tem que ser de enriquecimento, pois os pacientes ao receberem o diagnóstico se fecham em um mundo de proibições, restrições e não é assim. Esse momento é justamente para desmistificar informações errôneas reforçando o que pode ser ingerido sem problemas. As orientações abrem um leque de possibilidades na alimentação dos pacientes”, descreveu.

Logo-Juazeiro-BA

Copyrigth © 2020 Prefeitura Municipal de Juazeiro