Juazeiro/BA, 05 de dezembro de 2020


Covid-19

Profissionais da rede especializada de Juazeiro recebem orientações e estabelecimento de fluxo relacionado ao coronavírus

ASCOM em 17/abr/2020

Débora Sousa/SESAU

Nesta quarta e quinta-feira (15 e 16), profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgências (SAMU) e Hospital Materno Infantil de Juazeiro (HMIJ) receberam orientações através do médico infectologista e assessor da Secretaria de Saúde, Washington Luís sobre fluxo e cuidados para atendimentos em pessoas sintomáticas para o COVID 19.

No SAMU as orientações aos profissionais estiveram voltadas ao paramentar e desparamentar dos Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s) dos profissionais nas ocorrências onde haja suspeita do COVID 19, orientações e cuidados com os pacientes e os fluxos de atendimento e encaminhamentos com relação a cada sinal e/ou sintoma apresentado.

Com a inclusão pelo Ministério da Saúde das gestantes e puérperas no grupo de risco da doença, os cuidados no município estão intensos. A equipe do HMIJ recebeu orientações do infectologista relacionadas a áreas de isolamento e cuidados com as mulheres deste grupo. Já estão acontecendo dentro do serviço à triagem na recepção de pacientes que têm histórico gripal para atendimento em ala separada, cuidados adotados para evitar contato com outras pacientes que não estejam com gripe.

De acordo com Washington Luís os cenários vão sendo ajustados a partir do desenvolvimento da doença na região. “É nossa prioridade trazer segurança ambiental e aos profissionais de saúde. Em Juazeiro estamos desde fevereiro com cursos, capacitações, reuniões, encontros e ajustes da rede de saúde pública municipal e alinhamento também com a rede estadual. Atualmente o cenário em Juazeiro é de transmissão comunitária, a partir disso, precisamos preparar melhor as equipes de saúde que estão no enfrentamento a esta doença. Ajustes e alinhamentos são fundamentais e meu papel é este, ajudar os meus colegas de profissão no cuidado consigo, com a equipe e com o paciente”, descreveu.

A Secretaria da Saúde ressalta que o meio mais eficaz até o momento para precaver a doença é o isolamento social, manter hábitos de higiene através do lavar as mãos com água e sabão e/ou reforçar com álcool gel, álcool liquido 70% e evitar tocar boca, nariz e olhos sem os devidos cuidados de higiene das mãos. O uso da máscara artesanal em ambiente público também se faz necessário. Outra orientação da SESAU é para que as pessoas só saiam nas ruas se for necessário, caso contrário, fiquem em casa.

Logo-Juazeiro-BA

Copyrigth © 2020 Prefeitura Municipal de Juazeiro