Juazeiro/BA, 27 de outubro de 2020


Covid-19

Primeiro ‘Vapor do Sol é Bossa Nova’ é realizado com sucesso

ASCOM em 04/set/2018

Por Ramáiana Leal/ SECULTE

Na última sexta-feira (31) foi realizada no Vaporzinho a primeira apresentação do projeto Vapor do Sol é Bossa Nova da Prefeitura Municipal de Juazeiro, através da Secretaria de Cultura, Turismo e Esportes. Paulo Soares & a Terceira Cidade e Edésio César & Banda foram as atrações do evento, que recebeu elogios da platéia presente.

Para o artista plástico Antônio Carlos Coelho de Assis (Coelhão) a iniciativa do município em realizar o projeto foi louvável. “Isso é muito bom, porque a gente sempre carece de ter acontecimentos que promovam a música local, que a gente sabe que tem uma produção riquíssima e numerosa. E juntamos duas coisas: o local onde se tem a maior figura representativa da Bossa Nova que é João Gilberto, no momento em que se comemora os 60 anos da Bossa. Possibilita que o público esteja cada vez mais próximo e interativo ao mesmo tempo em que você remete a algo que é histórico e referencial da música brasileira e mundial, é um privilégio ter essa oportunidade”, disse Coelhão.

Coelhão afirma ainda que enxerga a influência da Bossa Nova nos artistas atuais. “Eles se referenciam sempre nessa representação. Nós sabemos que a Bossa hoje está difusa em todos os outros gêneros da música brasileira. Qualquer canto que tenha um bom trabalho, ele foi beber na fonte da Bossa Nova”, afirma.

Quem também prestigiou o evento e parabenizou a Prefeitura pela realização do mesmo foi a fotógrafa e DJ Lisandra Martins. “A gente precisa de mais iniciativas como essa, até para dar mais visibilidade à produção local e parabenizo a prefeitura de Juazeiro por isso. Apesar da Bossa ter uma efervescência em um determinado período, ela acaba influenciando muitos outros estilos. Há muitos artistas novos, inclusive, que estão trazendo releituras do estilo. Ela está sempre viva”, comenta Lisandra.

Edésio César, uma das atrações da noite estava radiante pela oportunidade do evento. “É uma felicidade indescritível estar aqui e participar desse momento, porque há muito tempo a gente já nutria esse desejo de realizar um evento voltado para a Bossa Nova. Essa é a melhor oportunidade para relembrar João Gilberto e todos os outros grandes artistas que fizeram e fazem a Bossa Nova. Comecei minha carreira tocando a bossa e isso me orgulha. João Gilberto é o meu maior ídolo”, disse.

“Juazeiro celebra a universal música da Bossa Nova com artistas locais. Esse é um projeto plural, que vai dar espaço para muitas tendências da música brasileira. Um projeto que foi gestado muito democraticamente pelo Prefeito Paulo Bomfim. Realizamos Edital de Chamamento Público, credenciamos artistas, bandas e grupos musicais, de renome local ou regional, e até o final desse ano iremos compor a programação artística musical do projeto com muita Música Popular Brasileira, Jazz, Samba, Choro e Bossa Nova”, conclui o Superintendente de Cultura e Turismo, Maurício Dias.

 

 

Logo-Juazeiro-BA

Copyrigth © 2020 Prefeitura Municipal de Juazeiro