ADEAP

Prefeitura reforça parceria com empresas que buscam ampliar negócios em Juazeiro

A Prefeitura de Juazeiro, através da Agência de Desenvolvimento Econômico, Agricultura e Pecuária (ADEAP), continua reforçando apoio ao empresariado local e ampliando parcerias com empresas que estão buscando exponencializar seus negócios na cidade e em todo o Vale do São Francisco. 

Esta semana, o titular da ADEAP, Carlos Neiva, recebeu a visita de empresários do ramo da construção civil sustentável que produz tijolos, lajes, telhas, todos voltados para o modelo “Casa do Futuro”, ou seja, uma obra, limpa, segura e barata. Funcionando em Juazeiro há cerca de 5 meses, a empresa possui projetos em São Paulo e Rio de Janeiro e em outros países, como Argentina, Bolívia e México.

“Nosso material é modular, com isolamento térmico e acústico, diminuindo 80% do ruído externo. Uma obra rápida, onde eliminamos caixinhas de tomadas, conduítes, quebradeira de paredes para colocar pontos de hidráulica ou elétrica, uma construção limpa; uma casa que depois de pronta é à prova de terremoto”, explica Cesar Medrado, um dos sócios da empresa, que está instalada na Rodovia Salitre.

Custo-benefício

De acordo com Valdir Santos, sócio da empresa, o custo-benefício desse modelo de construção é 40% mais barato que as construções convencionais. É um projeto, que segundo ele, traz consigo a preocupação com o meio ambiente e promete viabilizar no município e em toda a região, habitações mais baratas e rápidas para as comunidades.

Para o titular da ADEAP, Carlos Neiva, o tripé fundamental já existe e Juazeiro sai na frente com esse modelo sustentável de moradia. “Temos um tripé fundamental aqui. Casa ecologicamente correta, socialmente justa e economicamente viável. Temos contato com instituições e podemos formar uma rede. Comigo à frente da ADEAP, essa rede será ampliada e as coisas serão feitas da maneira mais correta possível”, pontua Neiva.

Produção

Com uma produção ativa, a fábrica já está em funcionamento e possui cerca de 25 profissionais. O objetivo, agora, é ampliar o número de funcionários – que irão passar por treinamento na própria fábrica, gerando mais empregos na região.

Texto: Milena Pacheco – Ascom/ADEAP/PMJ

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Favor desabilitar para acessar a publicidade institucional do site.