AMA

Prefeitura de Juazeiro conclui recadastramento de permissionários do Mercado Joca de Souza Oliveira

A Prefeitura de Juazeiro concluiu o recadastramento dos permissionários do Mercado Joca de Souza Oliveira. O processo foi coordenado pela Autarquia Municipal de Abastecimento (AMA), após solicitação do governo do estado, com o objetivo de averiguar possíveis inconsistências no cadastramento anterior e assim liberar mais recursos para a KR Engenharia, empresa que está reformando o mercado. A obra está orçada em R$ 3,2 milhões, sendo R$ 2 milhões do governo do Estado e 1,2 milhão de emenda parlamentar.

O trabalho, de acordo com o superintendente de Feiras, Mercados e Camelódromo, José Carlos Medeiros, aconteceu em tempo recorde. Durou 15 dias. O Mercado Joca de Oliveira possui cerca de 220 permissionários. O recadastramento foi realizado por uma comissão mista, formada por membros da AMA e dos permissionários.

Todos os setores, desde os vendedores de frutas, temperos, carnes, confecções e sapatos, indicaram seus representantes para validar os cadastros que estavam sendo feitos. Assim, o trabalho foi todo fiscalizado e monitorado pela comissão de permissionários, formada por representantes de cada segmento.

Obra

Após concluir o recadastramento, a comissão visitou a obra de reforma do mercado. Para muitos permissionários, foi uma visita cheia de emoção e com muitas lembranças. “A maioria não visitava o local desde o dia em que foram removidos. Em todos eles a esperança de que a Prefeitura de Juazeiro entregue o Joca de Souza Oliveira reformado ainda este ano, e que o mercado se torne um dos melhores espaços no segmento de feiras e mercados do município. Se transforme em um ponto turístico da cidade”, destacou Medeiros.

Texto: Welington Alves – Ascom/AMA/PMJ

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Favor desabilitar para acessar a publicidade institucional do site.