GOVERNO

Prefeita Suzana Ramos recebe pauta de reivindicações dos servidores públicos municipais

A prefeita de Juazeiro, Suzana Ramos, recebeu nesta segunda-feira (15), em seu gabinete no Paço Municipal, o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais, Luiz Alberto Oliveira, e o presidente da Associação dos Servidores Aposentados e Pensionistas do Município de Juazeiro (AAPMJ), João Pereira Regis, além de representantes dos agentes de endemias. Também estavam presentes o gestor de políticas públicas da Secretaria de Gestão de Pessoas (SEGESP), Elival Alves e o Procurador Geral do Município, Thiago Cordeiro.

Na ocasião, foram iniciadas as negociações das pautas relativas à Campanha Salarial 2021. A prefeita Suzana se mostrou disposta a analisar as propostas junto à sua equipe de governo, de modo a atender as demandas da categoria e olhando também para o equilíbrio financeiro do Município. “Farei o maior esforço que puder, junto com minha equipe de governo, para garantir uma relação construtiva com a categoria. Manter uma mesa permanente de negociação é um dos nossos compromissos, pois entendemos a importância dos sindicatos e associações e o nosso objetivo é valorizar a luta da categoria, que já recebe acima do piso nacional”, destacou a prefeita.

Para o presidente do Sinserp, a reunião foi positiva. “O debate foi positivo. Hoje iniciamos as discussões a respeito da campanha salarial 2021 tanto para os servidores ativos, quanto para os aposentados e pensionistas do município. A prefeita ficou de estudar nossa proposta e até o final da próxima semana poderemos ter uma resposta”, destacou Luiz Alberto Oliveira.

O Procurador Geral do Município ressaltou que o governo vai analisar a proposta de reajuste de 4,52% referente à reposição inflacionária. “A nova gestão municipal desde que assumiu tem buscado sempre o diálogo para encontrar um consenso tanto para os servidores quanto para o município. Estamos vivenciando um cenário econômico atípico provocado pela pandemia, sabemos que por causa disso a estimativa de arrecadação deve cair. Mas estamos fazendo tudo dentro do possível e pautados na legalidade para tentar atender a proposta dos servidores”, esclareceu Thiago Cordeiro.

Quanto ao pedido de reajuste do piso salarial dos agentes comunitários de saúde e agentes de endemias, a Prefeitura ainda está dialogando com os dois sindicatos que representam as categorias.

Texto: Edísia Santos – Ascom/PMJ

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Favor desabilitar para acessar a publicidade institucional do site.