EDUCAÇÃONotíciasSAÚDE

Plano de Ação Sanitário e Pedagógico será elaborado pelo Comitê de enfrentamento à Covid-19 em Juazeiro

Nesta terça-feira (9), a Secretaria de Saúde (Sesau) de Juazeiro se reuniu com a Secretaria de Educação e Juventude (Seduc) do município, para discutir os passos para a elaboração do Plano de Ação Sanitário e Pedagógico para possível retorno das aulas presenciais.

Desde o início da pandemia até agora, o município não elaborou nenhum plano de ação do que está sendo solicitado pelo Ministério Público da Bahia. De acordo com o secretário de Saúde de Juazeiro, Fernando Costa, o plano será formulado seguindo parte do plano sanitário e pedagógico do estado.  

O Plano de Ação Sanitário e Pedagógico será elaborado pelo comitê de enfrentamento à Covid-19 de Juazeiro. O comitê é composto por servidores da administração da saúde, da Atenção Básica, da Vigilância, da Polícia Militar, do comércio, da Educação, da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, da Secretaria de Meio Ambiente e Ordenamento Urbano e Secretaria de Comunicação.

“Não podemos tomar decisões sozinhos, enquanto Sesau. É preciso que a formação do plano seja discutida junto ao comitê de enfrentamento à Covid-19, que contém vários representantes da sociedade de Juazeiro, entidades de segurança e Prefeitura, além de órgãos fiscalizadores,” ressaltou o secretário Fernando Costa, que participou da reunião virtualmente.

Início do ano letivo

Segundo informações da Secretaria de Educação e Juventude (Seduc) do município, o ano letivo no município terá início no dia 8 de março, e a Seduc reitera que, no primeiro semestre, as aulas serão realizadas nas modalidades síncrona (aulas virtuais em que há interação entre os participantes de maneira simultânea) e assíncrona (o conteúdo é gravado e disponibilizado em uma plataforma, para acesso do aluno no horário que melhor o convir).


Texto: Maria Lima – Ascom/SESAU/PMJ

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Favor desabilitar para acessar a publicidade institucional do site.