Juazeiro/BA, 26 de outubro de 2020


Covid-19

Obra de requalificação da Av. Adolfo Viana começa a demolir segundo trecho do canteiro central

ASCOM em 17/set/2018

Por Gardennia Garibalde/SEDUR

Iniciada há pouco mais de 10 dias a obra de requalificação da Av. Adolfo Viana vem movimentando cada vez mais a principal via da cidade e chamando a atenção dos milhares de juazeirenses que trafegam diariamente pela avenida. A obra realizada pela Prefeitura de Juazeiro através da Secretaria de Obras e Desenvolvimento Urbano (SEDUR) segue com a demolição do segundo trecho do canteiro central nesta segunda-feira (17).

“A ideia da obra é de que seja para melhorar a vida de todos que trafegam por aqui, principalmente dos pedestres. A Adolfo Viana é uma das principais vias de acesso ao centro da nossa cidade, uma das mais antigas e muito carente de mais mobilidade e calçadas adequadas. Precisa e merece essa obra”, destacou o músico aposentado, Elias Ferreira.

O Secretário de Obras Hemerson Guimarães explica que a demolição do canteiro central corresponde à primeira etapa da obra dentro do cronograma estabelecido. “Para minimizar os transtornos, pois sabemos que é uma importante via de acesso à nossa cidade e com muitos pontos comerciais, a obra foi dividida em tapas: demolição do canteiro central, calçadas e ciclofaixa. E na etapa do canteiro, também vamos executar o mesmo em etapas, pois seria inviável executá-lo todo ao mesmo tempo e travar o trânsito de um trecho tão extenso”, explica.

O secretário esclarece ainda sobre a supressão das árvores exóticas realizada na semana passada no primeiro trecho do canteiro central já demolido. “Entendemos a preocupação da população com a preservação do meio ambiente, mas queremos deixar claro, que a obra tem como foco principal a mobilidade urbana e acessibilidade, mas não deixando de lado a preservação do meio ambiente. Estamos fazendo a supressão de 63 unidades da espécie ficos, consideradas exóticas, que não se encaixam no tipo de canteiro que será construído, e substituindo por 81 unidades de palmeiras imperiais, tipo de arvore que apresenta uma raiz com característica bivoltante (raiz profunda) e não causa prejuízo ao pavimento. As caraibeiras que existem no canteiro, são espécies nativas do nosso bioma e serão mantidas”, ressaltou o secretário.

O Termo de Compensação Ambiental firmado entre o município e a empresa executora da obra ainda prevê o plantio de mais 252 mudas nativas, que equivale a 4 árvores para cada uma suprimida, tudo feito de acordo com as leis estabelecidas. Além disso, as plantas de pequeno porte que estão sendo recolhidas pelo setor de praças e jardins do município serão replantadas nos equipamentos do município.

Fruto de um convênio entre o município e o Governo do Estado através da Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia – Conder, orçado em R$ 6 milhões, onde R$1,3 milhão será aplicado na requalificação da Adolfo Viana e o restante do recurso será aplicado na obra de requalificação das avenidas que dão acesso ao bairro Pedra do Lorde. A intervenção fará com que a principal avenida da cidade passe a ter calçadas amplas, em toda sua extensão, redimensionamento do canteiro central – que também ganhará novos postes com iluminação em led, ciclofaixa, recuperação do pavimento asfáltico nas áreas de intervenção, melhorando as condições de acessibilidade e mobilidade, facilitando a vida de pedestres e motoristas.

Logo-Juazeiro-BA

Copyrigth © 2020 Prefeitura Municipal de Juazeiro