Juazeiro/BA, 30 de novembro de 2020


Covid-19

Gravidez na adolescência é tema de palestra realizada pela Prefeitura de Juazeiro

ASCOM em 17/abr/2019

Por Gardennia Garibalde/SEDUR

Relatório da Organização Mundial da Saúde aponta que no Brasil existem 68,4 bebês nascidos de mães adolescentes a cada mil meninas com idade entre 15 a 19 anos, índice considerado acima da média latino-americana, estimada em 65,5. No mundo, a média é de 46 nascimentos a cada mil. Em países como os Estados Unidos, o índice é de 22,3 nascimentos a cada 1 mil adolescentes de 15 a 19 anos.

Diante desse quadro, a Prefeitura de Juazeiro através da Secretaria de Obras e Desenvolvimento Urbano (SEDUR) realizou nesta terça-feira (16), na Escola Municipal Argemiro José, uma palestra abordando o tema ‘Gravidez na Adolescência’. A atividade integra o cronograma de ações do Projeto Técnico Socioambiental (PTS) da Intervenção da Poligonal Urbana. A ação que tem como objetivo potencializar as atividades de mobilização social junto às famílias beneficiadas com as obras

A palestra teve como facilitadora a psicóloga Lorena Pesqueira, que enfatizou a importância do fortalecimento na relação entre escola, pais e comunidade, no intuito de reverter os índices alarmantes de gravidez na adolescência. “Foi um momento de construção direcionado para os jovens da comunidade, pais e profissionais da escola, onde voltamos o olhar para o tratamento do jovem de maneira integral: sua essência, seu desenvolver humano, no respeito com seu corpo, as possibilidades da sexualidade. Como é importante dentro desse contexto fazer com que o jovem passe a entender o que de fato acontece com o seu corpo, pois para eles o sexo acaba sendo uma válvula de escape, por não conseguirem conceber a sua sexualidade como um todo”, destacou Lorena Pesqueira.

De forma bastante didática, Lorena Pesqueira explicou que o diálogo em família, através de bate-papo informativo com filhos, netos, sobrinhos e adolescentes sobre o tema é de fundamental importância na conscientização. Para ilustrar, panfletos informativos, apontando os perigos e dificuldades de uma gravidez na adolescência foram distribuídos. Por fim, os participantes puderam fazer perguntas e sanar suas dúvidas, num proveitoso debate sobre o tema. “A palestra foi muito importante para mim, pois não tinha orientações sobre sexualidade em casa, agora além de ter algum conhecimento sobre o assunto, posso compartilhar com minhas irmãs, amigos e me prevenir, para não fazer parte dessa estatística”, disse o estudante Bruno Lima (17).

A adolescente Rebeca Lopes (16) acompanhou toda a palestra e fez questão de relatar que através do conhecimento compartilhado no evento, conheceu os riscos que uma gravidez na adolescência podem gerar. “Além de problemas de saúde vem o comprometimento da nossa vida escolar, portanto é muito importante participarmos de momentos como esse onde adquirimos informações sobre como evitar uma gravidez indesejada, num momento tão importante de nossas vidas”, declarou a estudante.

O secretário de Obras e Desenvolvimento Urbano, Hemerson Guimarães, ressalta que o tema abordado é bastante complexo, “pois vai além da questão social, econômica e psicológica da pessoa, a gravidez na adolescência é também um problema de saúde, uma vez que, na maioria dos casos, a mãe e o bebê correm riscos de morte. E o papel do PTS dentro das obras na Poligonal Urbana é justamente esse, fornecer informação, capacitação nas mais variadas áreas para que essa realidade seja transformada, e o desenvolvimento chegue para a comunidade não só através da urbanização e das obras”, ressaltou o secretário.

 

Logo-Juazeiro-BA

Copyrigth © 2020 Prefeitura Municipal de Juazeiro