Juazeiro/BA, 26 de outubro de 2020


Covid-19

Encerramento do Festival de Teatro Wellington Monteclaro é marcado por emoção e alegria

ASCOM em 16/out/2017

Por Ramáiana Leal/SECULTE

O encerramento da segunda edição do Festival Wellington Monteclaro, uma realização da Prefeitura de Juazeiro, através da Secretaria de Cultura, Turismo e Esportes, na noite deste domingo, 15, no Centro de Cultura João Gilberto, foi marcado pela emoção e alegria. O Secretário Sérgio Fernandes e o Deputado Estadual Roberto Carlos estavam presentes.

A premiação foi feita com troféu: melhor ator para José Lírio Costa, de 3x Plínio Marcos; melhor atriz para Juliene Moura, de Chico e Flor e melhor direção para 3x Plínio Marcos. Júri popular indicou a convidada Antonio Meu Santo. O troféu do terceiro melhor espetáculo ficou com Sítio do Pica Pau Amarelo. Segundo melhor espetáculo foi para Chico e Flor e melhor espetáculo para 3x Plínio Marcos. A mãe de Wellington Monteclaro, Dona Dalva, também recebeu um troféu em homenagem ao seu filho.

O troféu foi desenhado pelo artista plástico Iehoshua Iahueh e homenageava artistas juazeirenses que têm sua história marcada pela arte: troféu Lucien Paulo, troféu Cláudio Damasceno, troféu Devilles, troféu Esmelinda Pergentino, troféu Bebela, troféu Samuel Leite, troféu Hertz Félix.

Marileide Moreira, que representou seu marido Lucien Paulo, visivelmente emocionada, agradeceu a homenagem e reconheceu a importância do festival. “É preciso reconhecer a iniciativa da Prefeitura em realizar um festival como esse. É assim que se cultiva a cultura. Eu e Lucien fomos pioneiros do teatro aqui em Juazeiro e hoje continuo a ver muitos dos que estudaram conosco fazendo bonito aqui no tablado. É uma grande emoção participar também. Estão todos de parabéns”, disse.

Em 1986, durante um antigo Festival de Teatro que aconteceu em Juazeiro, o jornalista e empresário Dadau Barbosa foi eleito melhor ator. Presente no encerramento do Wellington Monteclaro, Dadau se encantou. “É incrível observar a evolução da técnica dos espetáculos. Parabenizo os resistentes, que já existiam na época em que eu fazia teatro. Eles têm meu reconhecimento por essa persistência e dedicação. Para mim é uma grande emoção e alegria viver tudo isso e parabenizo à Prefeitura de Juazeiro pela iniciativa. Estou me revendo em tudo o que está acontecendo, grande emoção”, afirma Dadau.

“Esse festival é de importância fundamental para a produção cultural de Juazeiro, para continuarmos a fomentar a produção teatral. Juazeiro é uma cidade rica em cultura e nossa obrigação é investir e incentivar eventos como esse. Agradecemos a todos os artistas que participaram, assim como ao público. Foram cinco dias de muito entusiasmo de ambas as partes. O Prefeito Paulo Bomfim se comprometeu em fazer, no próximo ano, um festival ainda melhor, porque todos vocês merecem. Agradecer especialmente a Dona Dalva, mãe de Wellington, por dividir conosco a estrela e referência que ele se tornou”, conclui o secretário Sérgio Fernandes.

 

Logo-Juazeiro-BA

Copyrigth © 2020 Prefeitura Municipal de Juazeiro