EDUCAÇÃO

Educação Conectada: Escolas de Juazeiro começam a receber antenas que viabilizarão maior alcance da internet

A Prefeitura de Juazeiro, através da Secretaria de Educação e Juventude (Seduc),  segue dando continuidade à instalação dos equipamentos do projeto piloto do Programa de Inovação Educação Conectada (PIEC), em escolas do município.  Nesta quinta-feira (17), as Escolas Municipais Argemiro José da Cruz, e de Educação Infantil (EMEI) Beatriz Angélica Mota receberam a visita da equipe técnica terceirizada pelo Ministério da Educação (MEC), para instalação dos repetidores de sinal de internet (antenas), nas unidades de ensino.

Pela manhã, a secretária de Educação, Normeide Almeida, e a assessora técnica da Seduc, Isabel Cristina, acompanharam a implantação dos equipamentos, que ampliarão o alcance da internet na Escola Municipal Argemiro José da Cruz, localizada no bairro Argemiro. Ainda nesta quinta-feira, a equipe técnica também realizou a instalação dos repetidores de sinal na EMEI Beatriz Angélica Mota, situada no bairro São Geraldo.

O trabalho de implantação da infraestrutura necessária para fornecer internet de alta velocidade, seguirá em mais 52 escolas da sede, ao longo dos próximos meses. “Os equipamentos estão sendo instalados próximos às salas de aula, para garantir a qualidade no acesso à internet. É mais uma iniciativa que visa colaborar com o trabalho pedagógico que é desenvolvido nas unidades de ensino”, finalizou a secretária de Educação, Normeide Almeida.

(Foto: Ascom/PMJ)

Projeto piloto

O projeto-piloto integra as ações dos Programas de Inovação Educação Conectada (PIEC), do Ministério da Educação, e Nordeste Conectado, do Ministério das Comunicações (MCom). O objetivo é apoiar a universalização do acesso à internet de alta velocidade e fomentar o uso pedagógico de tecnologias digitais na Educação Básica. Além de Juazeiro, Petrolina (PE), Caicó (RN), Campina Grande (PB), Caruaru (PE) e Mossoró (RN) também são contemplados pela iniciativa.

Em Juazeiro, a internet será fornecida por meio de uma parceria com a Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), e será utilizada, exclusivamente, para fins pedagógicos, em 54 escolas da sede.

Texto: Brena Souza – Ascom/Seduc/PMJ

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Favor desabilitar para acessar a publicidade institucional do site.