Juazeiro/BA, 29 de novembro de 2020


Covid-19

Comunidade de Pinhões recebe capacitações do projeto Fortalecendo o Semiárido

ASCOM em 03/ago/2018

Lene Radina/ ASCOM ADEAP

A Prefeitura de Juazeiro através da Agência de Desenvolvimento Econômico, Agricultura e Pecuária (ADEAP), tem realizado atividades que integram o processo de implantação do Serviço de Inspeção Municipal (SIM), que possibilitará aos empreendedores de Juazeiro a certificação dos seus produtos e serviços através do Selo de Inspeção Municipal.

Uma das etapas preparatórias para a atuação do SIM é a capacitação dos empreendedores do setor alimentício dos distritos de Juazeiro, parte integrante do projeto ‘Fortalecendo o Semiárido’, iniciado no mês de abril. O projeto visa promover o desenvolvimento econômico dos produtores oriundos da agricultura familiar e durante este mês, foi aplicado na sede da Associação Comunitária de Malhada da Areia, distrito de Pinhões.

“Já realizamos as capacitações nos distritos de Juremal e Itamotinga, sempre antecedendo as feiras de caprinos e ovinos. Agora, após a realização da feira de Pinhões, estamos promovendo os cursos para todos que trabalham ou têm interesse em trabalhar com alimentos nesta comunidade. É uma satisfação poder proporcionar conhecimento e prática para quem realmente precisa”, informou a tecnóloga em alimentos da ADEAP, Ataildes Pinheiro.

As dinâmicas são as mesmas em todos os distritos, porém com direções diferenciadas que dependem da realidade local. Em Pinhões foi trabalhado o cooperativismo e o desenvolvimento pessoal, pensando no fortalecimento da comunidade. Dezoito pessoas participaram do curso que durou três dias com aulas de boas práticas, instalações, qualidade da matéria prima, embalagens e o beneficiamento dos produtos. São capacitações que visam qualificar, valorizar e padronizar a cadeia produtiva de forma sistemática e continuada, sustentável, participativa e descentralizada.

Ana Maria Rosa de Souza, que comercializa bolos confeitados, falou da satisfação em participar do curso. “Gostaria de agradecer a todos os envolvidos por nos dar a oportunidade de fazer parte desse projeto, com propostas de alimentação saudável, regras de etiqueta e outras dinâmicas. Esse não é um curso que ensina apenas a cozinhar, mas também a tratar o cliente, o vizinho e até o amigo. Nós pudemos perceber o quanto somos capazes”, afirmou.

Para Lucivânia Felix da Silva, que precisou mudar sua alimentação devido a problemas de saúde, essa foi a oportunidade de enriquecer seu cardápio. “Eu achava que sabia manipular os alimentos e percebi que meu conhecimento era mínimo diante do que estou aprendendo aqui. Estou muito feliz e agradecida por essa oportunidade”, destacou.

O projeto conta com duas propostas: beneficiamento da carne de bode e beneficiamento dos frutos e hortaliças, sendo que cada curso conterá dez capacitações. “Estou começando a fazer alimentos para vender e futuramente pretendo abrir um restaurante aqui mesmo na comunidade”, afirmou Ângela Regina Evangelista. Já a cozinheira Cleidimar Edelzuita Ferreira Gama, confessou ter aprimorado seus dotes culinários através dos cursos. “Há anos eu comercializo buchada na comunidade e todos amam os meus pratos, mas através das dicas do curso pude aperfeiçoar a minha comida”, observou.

Uma das finalidades da ação é reduzir as desigualdades regionais, através de capacitações profissionais em caráter estratégico de políticas regionais que possam incorporar incentivos para proporcionar o desenvolvimento regional da produção da agricultura família. “Estamos sempre trabalhando em prol de melhorias para a população de Juazeiro. O nosso objetivo é promover o desenvolvimento econômico dos produtores da agricultura familiar, bem como qualificar, valorizar e padronizar a cadeia produtiva”, finalizou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Agricultura e Pecuária da ADEAP, Tiano Felix.

 

Logo-Juazeiro-BA

Copyrigth © 2020 Prefeitura Municipal de Juazeiro