EDUCAÇÃO

Arraiá da Educação: sanfoneiros locais animam festa junina virtual para Rede Municipal de Ensino de Juazeiro

A Rede Municipal de ensino de Juazeiro teve uma noite animada nesta terça-feira (22). A Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Educação e Juventude (Seduc), promoveu a festa junina virtual “Arraiá da Educação”. A Programação contou com a participação de sanfoneiros locais e premiações para os colaboradores da Rede.

A secretária de Educação do município, Normeide Almeida, e a superintendente de  Gestão Escolar, Alexandrina Araújo, deram as boas-vindas ao público virtual, e a live foi conduzida de forma descontraída pelo formador Wiliam Oliveira e o palhaço Morróia.

O cantor Matheus do Acordeon abriu a programação, que contou também com a apresentação dos artistas Tinho do Acordeon, André Mendes e participações especiais dos cantores Tom Bahia, O Queridinho e Jó do Acordeon. Durante o evento, o público também participou de concursos juninos para escolha da Rainha e Princesa do Milho, Melhor Cordel e Caracterização de Matuto. Com a votação realizada através de link no chat de mensagens, profissionais da Rede Municipal foram premiados com kits pedagógicos.

“Muita criatividade, alegria e muita animação. O concurso de algumas modalidades, envolvendo os servidores da educação, como a rainha do milho e do cordel, completou a nossa noite com muita criatividade dos participantes”, destacou coordenadora pedagógica, Adriana Magnólia.

A secretária de Educação, Normeide Almeida, agradeceu a participação da comunidade escolar no evento virtual. “Realizamos um evento organizado e bonito, pensado para alegrar nossa comunidade escolar durante o período junino e início de recesso. Agradecemos a participação de todos e desejamos um bom recesso”, finalizou a secretária.

Parceria e Tradição

“Essa live vem para abraçar servidores e famílias, agradecer pela parceria que está dando certo, na qual cada um oferece o melhor de si. A pandemia não conseguiu apagar o valor da educação e dos festejos culturais, e o investimento nas memórias afetivas também é um dever educacional”, destacou a gestora escolar, Suhêllane Caroline Cajuí.

Texto: Brena Souza – Ascom/Seduc/PMJ
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Favor desabilitar para acessar a publicidade institucional do site.