Juazeiro/BA, 23 de setembro de 2020


Covid-19

AMA e Ministério da Agricultura promovem palestra sobre origem dos produtos comercializados no Mercado do Produtor de Juazeiro

ASCOM em 27/set/2019

Daniela Duarte/AMA

Cerca de 100 pessoas entre permissionários do Mercado do Produtor de Juazeiro, cooperativas e associações do Vale do São Francisco, dirigentes sindicais, fiscais sanitários, produtores rurais, representantes comerciais, autoridades públicas dos setores agropecuário e de abastecimento alimentar e outros profissionais se participaram nesta quinta-feira (27), no Centro de Excelência em Fruticultura do SENAR, de palestra sobre Rastreabilidade Vegetal.

A rastreabilidade é um conjunto de procedimentos capazes de identificar o caminho percorrido pelas frutas e hortaliças desde o campo até seu destino final, assegurados por todos os agentes envolvidos nas etapas de produção, distribuição e comercialização de frutas e hortaliças.

O palestrante e coordenador de fiscalização de produtos vegetais, Cid Alexandre Rozo, ligado ao Ministério da Agricultura, falou da aplicação desses procedimentos ao longo da cadeia produtiva de produtos vegetais frescos destinados à alimentação humana. “O MAPA está realizando essa palestra nas Ceasas de todo o Brasil, justamente para que esse público entenda a importância da rastreabilidade e comecem a regularizar de acordo com a norma seus produtos levando mais segurança e garantia de qualidade. É importante que todos saibam de onde vem o alimento produzido, comercializado e consumido”, explicou

Agnaldo Meira, diretor executivo da AMA representando o 4º maior entreposto em volume e comercialização do país pontuou a importância de todos estarem atentos a essa nova normativa. “O Vale do São Francisco é uma potência mundial em produção agrícola e comercialização das nossas diversas frutas.  Toda nova legislação traz dúvidas, por isso a importância do representante do MAPA explanar sobre o assunto.  Agradecemos a parceria do SENAR em mais uma vez colaborar na realização de eventos tão importantes para nossa região”, pontuou.

O Presidente da Associação dos Permissionários do Mercado do Produtor de Juazeiro, Cristiano Coelho ficou satisfeito com o evento. “Assunto muito relevante tanto para nossos comerciantes e permissionários do Mercado e produtores rurais. No Mercado do Produtor temos diversos tipos de produtos e a rastreabilidade vem garantir o selo de segurança e qualidade deste alimento para o consumidor final, isso leva e traz segurança para quem vende e quem compra”, disse Cristiano.

Um dos objetivos da nova normativa sobre rastreabilidade é auxiliar o monitoramento e o controle de resíduos de defensivos agrícolas na cadeia produtiva de vegetais frescos destinados à alimentação humana. Todas as frutas e hortaliças devem fornecer informações padronizadas capazes de identificar o produtor ou responsável no próprio produto ou nas embalagens. A normativa já entrou em vigor e deve ser aplicada aos seguintes produtos: mamão, banana, tomate, repolho, chuchu, pepino, beterraba e inhame.

Para baixar  a íntegra da INC Mapa/Anvisa nº 02/2018, acesse o link:

http://www.anffasindical.org.br/images/comunicacao/noticias/2019/09-SETEMBRO/13/InstruoNormativaConjuntaINC02MAPAANVISA07022018.pdf

 

Logo-Juazeiro-BA

Copyrigth © 2020 Prefeitura Municipal de Juazeiro