Ação Educativa do Parque Fluvial Movimenta Orla 2 de Juazeiro

Por Gardennia Garibalde/SEDUR

A Prefeitura de Juazeiro através da Secretaria de Obras e Desenvolvimento Urbano (SEDUR) realizou nesta sexta-feira (14), na Orla 2, mais uma atividade da Meta 1 – etapa voltada para a educação ambiental, do Parque Fluvial. A ação tem como objetivo levar para a comunidade a prática da cidadania como processo participado, individual e coletivo levando à reflexão e às ações sobre os problemas sentidos por cada um e pela sociedade.

Com o tema ‘Qualidade de Vida e Cidadania – Povo civilizado, rio limpo, parque lindo’ a oficina contou com a participação do grupo de idosos atendidos no Centro de Referência de Assistência Social – CRAS Piranga e também com os alunos do 9º ano da Escola Municipal Terezinha Ferreira Oliveira, que participaram de aulas de alongamento e dança, além de um mutirão de limpeza nas margens do Rio São Francisco.

“Amei participar dessa importante ação onde podemos aprender de forma divertida sobre a preservação do importante patrimônio que é o Rio São Francisco e também do Parque Fluvial, que em breve vai trazer uma nova vida para nós. Que tenha mais ações como essa”, disse uma animada dona Nair Moreira de 82 anos.

Representando o prefeito Paulo Bomfim no evento, o chefe de gabinete Vilmar Ferreira ressaltou a importância da realização das atividades de educação ambiental dentro do Parque Fluvial. “A gestão do prefeito Paulo Bomfim tem buscado desenvolver junto às obras o acompanhamento social e no caso do Parque Fluvial tem a Meta 1 que vem para trabalhar a educação ambiental, pois entendemos que a educação é a base de tudo. E podemos constatar hoje aqui no evento que o nosso objetivo está sendo alcançado, pois a população participa, aprende e pede que outros eventos sejam realizados”, ressaltou.

O secretário de Obras e Desenvolvimento Urbano, Hemerson Guimarães, explica que as ações da Meta 1 do Parque Fluvial vem acontecendo paralelamente ao desenvolvimento da obra. “Essa é a quarta oficina realizada dentro da Meta 1, nosso objetivo maior na ação de hoje foi trabalhar o exercício da cidadania e da qualidade de vida, para que cada indivíduo faça uma tomada de consciência, e desenvolva o seu papel de intervenção e transformação social. A educação para a cidadania e preservação vai contribuir para a formação de pessoas responsáveis, autônomas, solidárias, que conhecem e exercem os seus direitos e deveres com diálogo e no respeito pelos outros, com espírito democrático, pluralista, crítico e criativo,  e assim  preservar o meio ambiente e o parque que está em construção”, explicou o secretário.

O professor de dança Felício Bomfim, ministrou uma aula de ritmos durante o evento e ficou encantado com a receptividade do público presente. “Gostaria de parabenizar a gestão municipal pela iniciativa não só da construção do Parque Fluvial, mas também pelo desenvolvimento dessas ações que aproximam o povo da gestão. As ações são importantes para a conscientização e preservação do nosso Rio, que é tão rico e conhecido mundialmente e vou ajudar a divulgar essa importante iniciativa. Fiquei encantado com o pessoal da melhor idade que dançou todos os ritmos e demonstrou interesse pelo projeto”, declarou Felício Bonfim.

Thayane Alves tem 14 anos e é estudante do 9º ano da Escola Terezinha, para ela o evento foi positivo, pois possibilitou colocar em prática alguns conhecimentos adquiridos em sala de aula. “Achei muito importante e gostei bastante, pois vimos que podemos aprender a cuidar e preservar o meio ambiente nos divertindo. Recolhemos muito lixo jogado pelos frenquentadores da Orla, e nesse momento vimos na prática a importância da educação ambiental e conscientização das pessoas”, disse a estudante.

Parque Fluvial – O projeto executado pela Prefeitura de Juazeiro, através da Secretaria de Obras e Desenvolvimento Urbano (SEDUR) é fruto de uma parceria do Fundo Nacional de Meio Ambiente (FNMA) do Ministério do Meio Ambiente e do Fundo Socioambiental da Caixa Econômica Federal (CEF), e conta com ainda força tarefa que envolve várias secretarias municipais: SEDUC, SAAE, SESP, SEDIS e SECULTE.

A intervenção até o momento já executou a implantação de academias da saúde, parques infantis, 98% da extensão da pista de Cooper, ciclovia em toda a extensão do parque, recuperação do campo de esportes, das quadras poliesportivas e de areia, e ainda vai executar estruturação e ordenamento do mirante e criação de um atracadouro náutico, o espaço onde estão localizados os bares do M já recebeu piso intertravado e pintura do teto para a criação de um terminal hidroviário.

As barracas que ficavam próximas a Marinha, já foram retiradas da margem do rio por questões ambientais e serão ordenadas e padronizadas na área da calçada que será ampliada. Atualmente está em andamento a construção da pista de skate e a implantação da estrutura para nova iluminação.

 

 

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo